Share on FacebookGoogle+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest

As Palmeira-Imperiais do Jardim Botânico

Acredita-se que a primeira muda de palmeira-imperial – a Palma Mater – tenha sido plantada no Jardim Botânico na primeira década do século XIX. Desde então, esses habitantes centenários são associados à imagem do Jardim, e sucessivas gerações de profissionais têm se dedicado à sua preservação. Esta publicação trata do Projeto de revitalização das aleias de palmeiras-imperiais responsável por tratamentos fitossanitários e replantios realizados entre 2008 e 2009, e incorpora informações científicas e aspectos simbólicos e históricos acerca dessa planta emblemática que se disseminou por todo o Brasil como elemento qualificador de suas paisagens. Publicado em parceria com o Jardim Botânico do Rio de Janeiro em 2009.

As Palmeiras Imperiais do Jardim Botânico